quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Gangorra


"Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. " João 16:33

É interessante como a gangorra, aquele brinquedo típico dos parques de diversão lembra os movimentos da vida.
É como se ela fosse a representação lúdica da realidade.
Na verdade, a vida é como a gangorra, ora estamos em cima, ora estamos embaixo.
Em alguns dias nos sentimos muito bem, tudo dá certo.
As coisas acontecem num fluir de paz e alegria.
Parece até que Deus nos toma em Seus Braços e caminha conosco pelos corredores da existência.
Nada nos falta!
O que era paz transforma-se numa agonia.
A sensação de segurança da lugar ao pânico.
Motivos: Surpresas desagradáveis, enfermidades, crise financeira, luta na família.
Nessas horas, até a fé entra em crise, pois imaginamos que Deus nos abandonou.
Na verdade, a gangorra representa simbolicamente a busca do PONTO DE EQUILÍBRIO entre os movimentos de subida e descida e nesta constante alternância, ela nos ensina importantes lições.
Nínguem pode viver na ilusão de que vivemos num eterno estado de graça.
Tampouco conceber a vida como um contínuo sofrimento, como se isto fosse um destino.
Com certeza, a vida nem pode ser concebida como uma experiência que exclui o sofrimento, nem como uma agonia constante.
A vida é um eterno desafio na busca do equilíbrio entre a dor e a alegria, a noite e o dia, as lágrimas e o sorriso.
Viver é conviver sobriamente como o lúdico e o trágico, a fé e a incerteza.
É saber atravessar os vales escuros para contemplar o nascer do sol.
Os movimentos difíceis servem como adubo que fertiliza o solo da nossa existência, as lágrimas irrigam as sementes de onde brotam ESPERANÇA e VITÓRIA, na certeza de que viver é uma experiência maravilhosa.
Por fim, a gangorra também representa um desafio ao nosso relacionamento com Deus.
Reconhecê-lo quando estamos por cima, e adorá-lo quando estivermos por baixo, revelarão nossa consciência da Sua Presença em nossa vida.
A vida é, por excelência uma experiência de luz e esperança.
Contudo, no seu transcorrer, podemos deparar-nos com a dor, a tristeza e a escuridão.
É a gangorra em movimento, mas o que importa é a busca do Equilíbrio.
O Senhor é o ponto de equilíbrio da gangorra.

Por isso a Bíblia diz:
"Em tudo daí graças". (1 Tessalonicenses 5.18).

A fé que não é confrontada com a adversidade não passa de mera crendice.

(Autor Pr. Estevam Fernandes de Oliveira)

Sua Alma (...)


"Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?" Mateus 16:26





Hoje pedirão a tua alma, o que tens para oferecer?O que você faria se tivesse apenas mais um dia de vida?
Muitos dizem que aproveitariam para curtir e fazer tudo aquilo que pudessem em apenas um dia, aproveitar, essa é a lei nos dias de hoje, as pessoas vivem por viver, sem analisar a conseqüência de seus atos, sem perceber o quanto muitas vezes estão arruinando sua própria vida, apenas aqui na terra? Com toda certeza Não. Mas imagine você, o que faria com apenas mais um dia de vida, se pudesse realmente saber o dia da sua morte aqui na terra… Sabe, são muitas as pessoas que tem guardado mágoas em seu coração, que estão doentes da alma, sofrendo muito e que não são nada humildes para reconhecer e pedir perdão, perdão de um erro cometido, de uma mentira, de uma traição, de uma atitude que prejudicou seu próximo, sua família, seus amigos. Outras vivem despreocupadamente, sabem que muitas de suas atitudes não agradam a Deus, mas por serem novas acham que terão muito tempo pela frente para mudar, estão desperdiçado sua juventude com drogas, bebidas,
relacionamentos errados e por ai vai, elas conhecem a verdade mas o tempo esta a favor delas, será? As pessoas são duras a voz de Deus, essa é a verdade, quantas vezes você foi na igreja e deixou de ir porque o pastor fez uma pregação um tanto dura?
Quantas vezes você desistiu de lutar porque ficou revoltado com a atitude de alguém?
Pois é, se você olhasse apenas para Deus não estaria ai perdendo tempo julgando seus amigos e colegas, cuidando da vida do outro, falando mal; todos nós erramos e temos muitos defeitos, mas mesmo assim com nossos defeitos, se quisermos, podemos mudá-los, podemos nos esforçar ao máximo para acertar, não é
fácil para ninguém, abandonar um vicio, abandonar os costumes que temos, nosso orgulho, nosso ego, nosso EU… Engraçado como as pessoas tem a dificuldade de amar hoje em dia, são tão egocêntricas, egoístas, nos dias de hoje matam por bobeira, não há mais compreensão, paciência, e isso até mesmo acontece dentro das igrejas, falta amor, falta respeito, falta Deus…

O que você tem feito com a vida que Deus te deu?
O que esta fazendo com seus talentos, com suas qualidades, com sua fé?
Você tem usado sua fé ou ela tem sido apenas um enfeite para manter seu titulo religioso?

Pense nisso, nunca sabemos o dia de amanhã, será que teremos o tempo que achamos para acordarmos e mudar?
Lembre-se: A vida sem Jesus é um graaaaaaaaaaaaaaaande desperdício!

Amizades que valem a pena

A BÍBLIA TRAZ EXEMPLOS DE BOAS E MÁS COMPANHIAS
"Tinha, porém, Amnom um amigo cujo nome era Jonadabe, filho de Siméia, irmão de Davi; Jonadabe era homem mui sagaz." (2 Samuel 13:3)
Amnom era filho do Rei Davi, e Jonadabe, seu primo. A relação de amizade entre os dois é um excelente exemplo de má conduta, falta de respeito e deslealdade para com o próximo e a si mesmo. Quando Amnom falou dos desejos errados que sentia pela irmã Tamar - também filha de Davi -, Jonadabe teve uma grande oportunidade de corrigir o amigo, podendo inclusive, influenciá-lo a não praticar tal maldade. Porém, ao invés disso, preferiu planejar uma ação e ajudar Amnom a executar seu plano ardiloso. "Disse-lhe Jonadabe: Deita-te na tua cama e finge-te doente; quando teu pai vier visitar-te, dize-lhe: Peço-te que minha irmã Tamar venha e me dê de comer pão, pois, vendo-a eu preparar-me a comida, comerei de sua mão." (2 Samuel 13:5) Pondo em prática o plano, Amnom causou uma grande tragédia familiar e as consequências negativas foram inevitáveis. Davi ficou profundamente ressentido, e Absalão, outro irmão de Amnom, o matou (Leia 2 Samuel 13:20-21; 28-31). Desta feita, o homem, sendo um ser social, necessita das relações humanas para... ...viver. A amizade está inserida em nossas vidas, bem como o amor, o ódio, o medo e tantos outros sentimentos bons e ruins. E a verdade, neste caso, é imprescindível. Cabe, no entanto, a cada um intervir sobre o que quer para a sua vida. Escolher pessoas que tenham algo de bom para passar e orientar quando mais se precisa é fundamental para que todos tenham uma vida saudável. Amizades ruins podem trazer desgostos, traições, decepções e levar os supostos amigos a feridas irreparáveis; cicatrizes que saram, mas aparecem, ficando geralmente do tamanho do estrago que provocou. Amizades verdadeiras olham nos olhos, mostram os erros do outro e solidarizam-se em ajudar a consertar. Amor é o que sente o amigo leal. Foi o que sentiram Davi e Jônatas. Belos exemplos de companheirismo e complacência. A dedicação entre os dois, tão forte e marcante, fez com que ficasse registrada na Bíblia ao longo dos séculos, até hoje. Jônatas desafiava o próprio pai, o Rei Saul, em favor de Davi. A lealdade recíproca era percebida quando o filho do Rei avisava o amigo sempre que Saul saía em sua caçada. Entre eles havia um pacto, um afeto abençoado e aprovado por Deus. (Leia 1 Samuel 23:15-18) Solidariedade, carinho, compaixão e consideração são algumas das características de uma amizade verdadeira. Sem ela, a vida se torna vazia, sem graça e sem valor. Quando sentimos afeição por alguém, esse sentimento pode tanto nos tornar heróis como vilões de situações, momentos e nas próprias trajetórias seguidas. O apóstolo Paulo foi cuidadoso em explicar isso aos coríntios: "Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes." (1 Coríntios 15:33) Isso quer dizer que as más influências, até mesmo entre cristãos, devem ser evitadas. Deus, sabendo disso, sempre fez referências em Sua Palavra sobre as relações humanas. O homem, passível de erro e de influências, precisa ter alguém que, de fato, o repreenda quando necessário, visto que a verdade quando predomina deixa reinar o benefício mútuo: "Como o ferro com o ferro se afia, assim, o homem, ao seu amigo." (Provérbios 27:17) E nisto Deus é contundente. Sobre a amizade que o desagrada, é enfático ao dizer: "Infiéis, não compreendeis que a amizade do mundo é inimiga de Deus? Aquele, pois, que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus." (Tiago 4:4) Sendo assim, escolher com cuidado as pessoas com quem vai andar e compartilhar informações, segredos e confidências; valorizar os verdadeiros amigos; repreender quando necessário; e afastar-se das conversas que afetam a fé cristã formam as colunas de sustentação de uma amizade duradoura e abençoada por Deus. Manter o relacionamento espiritual sobre qualquer relação humana, jamais ocultando ou disfarçando a fé que possui – para não ser ridicularizado ou rejeitado – , pode tornar o mais simples servo em amigo verdadeiro de Deus. Tudo vai depender da fidelidade, temor e fé. Foi desta forma que Abraão formou uma aliança com o Criador, e se transformou em Seu amigo fiel. (Leia Tiago 2:23) Por isso, se você deseja estreitar sua comunhão com Deus, e tornar-se amigo (a) dEle, procure hoje mesmo uma igreja que fale de Deus mais próxima de sua casa.

Alegria em Jesus

                                    
 
 
 
Filipenses 4:4 - Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai-vos.
 

Agostinho, grande teólogo da Igreja Primitiva, certa vez afirmou: "A busca de Deus é a busca da alegria. O encontro com Deus é a própria alegria”. A alegria é o resultado pleno da salvação em nosso cotidiano. O crente em Cristo é alegre. Do seu interior, brotam ramos perenes de um gozo que não pode ser naturalmente explicado.

A alegria cristã, entretanto, não é uma fuga. A gente não forja a alegria. Quando uma luta nos abate, o semblante cai! Lágrimas correm de nosso rosto.

Sentimos no íntimo a angústia, a dor, o medo. É justamente nesse ponto em que usufruímos deste fruto do Espírito em nós. Do meio do caos, através da Palavra de Deus e da nossa oração, o Espírito Santo faz nascer, do nada, esta alegria sobrenatural, que nos leva a sorrir, cantar e acreditar mesmo em meio as mais profundas provações.

Você estar pensando assim: “poxa
vida, em entendo bem a primeira parte do que você disse: sofro, choro, me angustio, mas alegria que é bom, NADA!”. Olha, eu já passei por isso diversas vezes, e já falei essas mesmas coisas. Mas descobri que em 100% das vezes que isso aconteceu, o problema estava em mim mesmo. E quando identifiquei com muita honestidade o problema e o confessei a Deus, minha alegria foi plenamente restaurada.

Os planos de Deus para ti envolvem momentos intensos de alegria. Não abra mão disso por nada dessa vida, o Pai Celestial deseja alegrar você neste dia!

Deus te abençoe!

Guarde a sua Lingua do Mal

 


Quer amar e ter uma vida feliz?

É simples, guarde sua lingua do mal, da falsidade, da mentira de fofocas e intrigas. Porque Deus protege e livra os justos de todas as adversidades.

O salmista faz esta pergunta e logo lhes mostra a resposta, vejam:

Venham, meus filhos, ouçam-me eu lhes ensinarei o temor do Senhor. Quem de vocês quer amar a vida e deseja ver dias felizes? Guarde a sua língua do mal e os seus lábios da falsidade. Afaste-se do mal e faça o bem; busque a paz com perseverança. Os olhos do Senhor voltam-se para os justos e os seus ouvidos estão atentos ao seu grito de socorro; o rosto do Senhor volta-se contra os que praticam o mal. Salmos 34: 13-16
Deus ouvirá a oração do justo, por mais que seja difícil, guarde sua língua do mal, sabemos que muitas vezes não conseguimos e tem horas que nos damos conta que já é tarde de mais e que a letra a palavra a frase e até o que não era pra sair de nossas bocas já saiu. Sabemos que é errado e fazemos! o homem é o único ser vivo que mesmo sabendo que as consequência de seus atos serão negativas continua o caminho e não muda de direção para melhor.

Que estranho, sabemos que é errado e mesmo assim continuamos, por que? O que nos leva a querer sempre satisfazer a carne e não a DEUS?
E pior é que decisão nossa, somos nós decimos e escolhemos nossos caminhos e não podemos simplesmente parar no meio do caminho ou seguir os dois ao mesmo tempo, você escolhe, entre fazer o certo ou o errado.


Os justos clamam, o Senhor os ouve. Jesus morreu na cruz não porque Deus não ouviu seu clamor, mas porque Ele estava fazendo a vontade do Pai, para remissão de nossos pecados e salvação do mundo se Jesus quisesse descer da cruz não seria necessária muita coisa, Deus o ouviria e o livraria. Pois não eram os cravos que prendiam na cruz, e sim o seu Amor por nós. A morte de Jesus era necessário, Ele é o cordeiro de Deus, assim como Deus providenciou um cordeiro para morrer no lugar de Isaque, Jesus foi entregue para morrer em nosso lugar (O brigada Jesus!). E nenhum osso foi quebrado, Deus o protegeu e também quer te proteger amado.



Os justos clamam, o Senhor os ouve e os livra de todas as suas tribulaçães. O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido. O justo passa por muitas adversidades, mas o Senhor o livra de todas; protege todos os seus ossos; nenhum deles será quebrado. Salmos 34: 17-20
Se refugie no Senhor, seja justo, tema a Deus e guarde a sua língua do mal e não só a língua mas também seus pés, suas mãos, todo o seu corpo, toda a sua vida em nome de Jesus!
Receba esta palavra em sua vida, essa promessa tremenda de Deus para os justos. Amém.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

‎2º Congresso Nacional de Solteiro Rio de Janeiro-RJ

 
‎2º Congresso Nacional de Solteiro Rio de Janeiro-RJ
Solteiros, Separados,Divorciados e Viúvos. ... 01 - Atitudes que podem mudar sua vida

Dia, 06.04 . 2013 SABADO AS 13HS ATE 21 HS
ATENÇÃO Confirme sua Inscrição!
...
TEMOS HOJE CONFIRMADOS 43% MULHERES E 47% HOMENS
VARIAS IDADE, ENTRE 20 ATE 70 ANOS
LANCHES, DINAMICAS CORREIO DO AMOR FESTIVAL DE PIZZA
Coordenadores ,
Pr.Zaqueu & Pra. Marlene
Ministerio de Casais Amovc
Acesse:
http://ministeriodecasaisamovc.blogspot.com.br/ 21-7863-5128 ID 55+10+42511 21-3173-8128
Assembléia de Deus Missão Apostólica da Fé -
Campo de São Cristóvão, 200 e 338 - Bairro Imperial de São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20921-440 Telefone: (21) 2157-7939 / Fax (21) 2157-7920 - E-mail:zaqueumarlene@gmail.com

Tempo

E o tempo ? O tempo é de concerto ....quem tem ouvidos ouça.

"Portanto, também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande nuvem de testemunhas, livremo-nos de tudo o que nos atrapalha e do pecado que nos envolve e corramos com perseverança a corrida que nos é proposta,
tendo os olhos fitos em Jesus, autor e consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz, de...
sprezando a vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus.
Pensem bem naquele que suportou tal oposição dos pecadores contra si mesmo, para que vocês não se cansem nem desanimem.
Na luta contra o pecado, vocês ainda não resistiram até o ponto de derramar o próprio sangue.
Vocês se esqueceram da palavra de ânimo que ele dirige a vocês como a filhos: "Meu filho, não despreze a disciplina do Senhor nem se magoe com a sua repreensão,
pois o Senhor disciplina a quem ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho".

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Plantando e Colhendo

 

"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará."
Filipenses 4.8



Durante a caminhada da vida andamos por muitos lugares, e em todos os lugares por onde passamos deixamos nossas pegadas, e elas dizem muito sobre nós. Cada vez que tomamos uma decisão - seja boa ou ruim - é um passo na caminhada, a direção que tomamos deixa marcas profundas na estrada.
Estas marcas muitas vezes não ficam apenas em nossa estrada, mas passa a fazer parte das estradas de outras pessoas, e nem sempre são marcas bonitas. Por outro lado também muitas pessoas atravessam o nosso caminho, algumas nos fazem bem, outras tentam impedir que continuemos. Durante alguns momentos de nossa vida pegamos alguém pelo braço e carregamos esta pessoa com todo amor e esforço, buscando com isto levar esta pessoa para um caminho melhor. Outras tantas vezes precisamos ser arrastados, pois faltam forças para continuar. Em certas épocas tropeçamos e caímos, em outras corremos, voamos.
Em toda esta caminhada nunca deixamos, no entanto, de semear, semeamos por todos os lugares por onde passamos. O solo é a estrada da vida, a semente: o que levamos no coração. Se estiver cheio de amor, serão sementes de amor, que se multiplicarão em nossa caminhada, se porém forem de ódio, inveja, ciume ou rancor, veremos espinhos crescendo ao nosso redor.
Não podemos nos esquecer que Deus,por ser Justo, faz de nossa existência um jardim, e permite que o que semeamos a cada dia seja também nossa própria colheita. Se passamos os dias buscando o bem, certamente ele se deixará encontrar.
Como está a paisagem do seu coração hoje? Olhe e veja, como andam seus pensamentos, suas emoções? Gosta do que vê? Pois saiba que o que está colhendo foi semeado por você, e o que estiver plantando hoje será sua próxima semente, então mãos a obra: selecione bem sua semente e faça do seu futuro o jardim mais bonito que seu coração já experimentou, e de cada dia um novo motivo para sorrir e dizer: espinhos não vejo, só frutos e flores.
Que Deus lhe abençoe nesta caminhada.

Honrar a Deus


Honrar a Deus é a melhor maneira de dizer: "Obrigado, Senhor!".

Muitas vezes nos perguntamos: Como posso agradecer? Deus tem sido tão bom para comigo!
E a resposta é: honre a Deus!
Mas como podemos honrar a Deus? Vamos resumir em quatro passos:
Primeiro: Dê valor a opinião de Deus.
Segundo: Tire tempo para estar com Ele.
Terceiro: Não o negue quando estiver com outras pessoas.
Quarto: Faça o que agrada a Deus.
Resumindo mais ainda? Deixe que Ele ocupe o primeiro lugar em sua vida, e estará sendo grato - de verdade!

Ação, Consequência e Preço!

Toda ação tem consequências, todo erro tem um preço, o preço dos
nossos erros foi o precioso sangue de Jesus, continuar no erro
é não aceitar que Ele pagou um alto preço em nosso lugar.
Acreditar nEle é a única atitude que
Deus deseja de cada um de nós.

"Se o que vê não lhe agrada, troque os óculos."




Imagine como seria o mundo se você andasse continuamente com um óculos vermelho. Não, não estou falando de um óculos com armação vermelha, mas com as lentes na cor vermelha. Você veria o mundo em tons de vermelho, correto? E assim seria com qualquer outra cor, mas quem iria querer andar o tempo todo usando um óculos deste? Pois bem, eu posso lhe afirmar que todos nós. Todos nós utilizamos óculos das mais diversas tonalidades, o tempo todo, até mesmo para dormir. Alguns utilizam óculos na tonalidade 'NãoVaiDarCerto', uma cor forte que faz com que tudo seja visto em tons de 'nada neste mundo nunca vai dar certo de maneira nenhuma pois tudo que eu olho está cinza, impossível e já foi tentando antes!', outros colocam óculos de Ressentimento e enxergam tudo como se fosse uma oportunidade para ressentir o que já passou. A quantidade de óculos existentes são imensas, aqui vão meus favoritos: Óculos de Esperança, quem o utiliza consegue ver tudo com mais calma e de uma perspectiva de paz e tranquilidade. Óculos de Amor, faz com que a pessoa que o utiliza consiga ver tudo com amor e gratidão. Óculos da Fé, uma excelente aquisição, com estes óculos quando você olhar para um problema, ao invés de ver seus detalhes e dificuldades, automaticamente enxergará as possibilidades de sucesso. E aí? Com qual óculos vai sair hoje?

Pecado



"Somente o Despertar da Palavra de Deus
pode nos Tirar do Automatismo do Pecado."

Pecar é difícil? Não, não é difícil pecar, pode até ser difícil suportar a consequência do pecado, mas pecar é fácil, tão fácil que chega a ser automático. A mentira sai sem dificuldades, o engano se revela naturalmente, o erro não precisa ser programado. Fazer o que é certo já é um pouco mais complicado. Quando automaticamente nos deixamos levar precisamos da lembrança, do despertar da Palavra de Deus, para nos chamar de volta ao caminho, para nos fazer pensar sobre o que estamos fazendo, pensando, falando ou desejando. Como poderemos subsistir então se não estivermos constantemente meditando nos conselhos de nosso Mestre? Pense nisto! Tire uns minutos para ler a Palavra, para ouvir a Palavra. Para refletir diariamente sobre o que é bom, o que é agradável a Deus.

A ARANHA



Uma vez um homem estava sendo perseguido por vários malfeitores que
queriam matá-lo.

O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo
meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte
maneira:

- "Deus Todo Poderoso fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a
entrada da trilha para que os bandidos não me matem!!!"

Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se
escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha.

A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha.

O homem se pôs a fazer outra oração cada vez mais angustiado:

- "Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha."

- "Senhor, por favor, com tua mão poderosa coloca um muro forte na
entrada desta trilha, para que os homens não possam entrar e me
matar..."

Abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a
aranha tecendo a teia.

Estavam os malfeitores entrando na trilha, na qual ele se encontrava
esperando apenas a morte.

Quando passaram em frente da trilha o homem escutou:

- "Vamos, entremos nesta trilha!"

- "Não, não está vendo que tem até teia de aranha!? Nada entrou por
aqui.
Continuemos procurando nas próximas trilhas"

Fé é crer no que não se vê, é perseverar diante do impossível.

Às vezes pedimos muros para estarmos seguros, mas Deus pede que tenhamos
confiança n'Ele para deixar que sua glória se manifeste e faça algo
como
uma teia, que nos dá a mesma proteção de uma muralha.

A rendição de um homem a Deus




 "Ele alivia o nosso coração da culpa e do medo!"
O Deus que escolhe soberanamente, ama incondicionalmente, também chama irresistivelmente. Deus escolheu Jacó antes dele nascer. Amou-o apesar de seus desvios e salvou-o gloriosamente.
Vejamos os passos dados por Jacó em resposta a obra de Deus na sua salvação.
O reconhecimento da necessidade da salvação (Gn 32:26)
Jacó se agarra a Deus e diz: “eu não te deixarei ir se tu não me ab...
ençoares”. Ele tem dinheiro, tem família, tem o direito de primogenitura, mas agora ele quer Deus. Sua maior necessidade é de Deus. Jacó sem Deus é nada. Jacó sem a bênção de Deus é vazio. Jacó agora tem pressa para ser transformado por Deus. Ele ora com intensidade, com senso de urgência. Ele não pode perder a oportunidade. Ele anseia por Deus mais do que por qualquer outra coisa na vida.

O choro do arrependimento (Os 12:4)
Jacó agora tem o coração quebrantado. Ele agarra-se a Deus com senso de urgência e com os olhos molhados de lágrimas. Jacó se quebranta, se humilha, chora e reconhece que não pode mais viver sem um encontro profundo e transformador com Deus. Como Pedro, Jacó chora, o choro do seu arrependimento. Ele instou com Deus em lágrimas. Ele pediu a bênção de Deus com pranto. Seus olhos estão molhados e sua alma ajoelha diante do Senhor.

E por que Jacó chora? O que ele pede com tanta urgência e com tanta sofreguidão? Ele não pede coisas. Ele pede que Deus mude a sua vida. Ele quer Deus e quer vida nova!

 

Se fossemos alcançar a salvação por obras realizadas, não seria a graça de Deus. Mas, as obras servem para reconhecimento e para que todos saibam quem é o nosso Senhor Jesus. As obras que aqui realizamos são frutos nossos e da nossa fé. Fé!... Exatamente este o ponto. Quando somos alcançados pela graça de Deus, o nosso primeiro passo é a fé. E não digo, fé em coisas materiais, coisas banais. Mas, digo fé para a proximidade do homem a Deus e estar totalmente envolvido com o que Ele quer. A fé nos faz mergulhar na graça de Deus e alcançar a salvação!

Um caminho para humildade!

 


Se humilhar e ser humilde são uma parceria de quem quer crescer no Reino dos céus. Se humilhar diante de Deus e ser humilde diante dos homens, essa é uma grande lição que Jesus nos ensinou para alcançar o coração do Rei e receber como recompensa estar em seu Reino. Então, que possamos entender que sem Ele não somos nada. Que a honra, a glória, a majestade pertencem ao Senhor. O que fazemos é para Ele, por Ele e por causa Dele, para enriquecer o seu Reino em nossas vidas e dentro de nós. Permanecer em humildade através da Adoração. Pude entender quando passei por algo em que não reconheci a soberania de Deus. Hoje, eu entendo perfeitamente que mesmo que todas as coisas cooperem pra que eu seja reconhecida, a glória sempre será de Deus em tudo que eu fizer. Digo isso a você leitor, pra que nós não venhamos mais cair neste erro.

Na Palavra de Deus temos duas promessas que são direcionadas aos humildes além da que foi citada no inicio do texto anterior sobre herdar o Reino dos céus. Jesus disse: " "Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos tornardes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus. Portanto, aquele que se humilhar como esta criança, esse é o maior no reino dos céus" (Mateus 18:3-4). " Entendemos que Jesus quis nos ensinar que ser humilde é uma grande porta para ser o maior no Reino dos céus. E isso acontece porque o Senhor Deus nos diz no livro de Tiago o seguinte: “Antes, ele dá maior graça; pelo que diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes.” Humilhai-vos na presença do Senhor, e ele vos exaltará" (Tiago 4:6,10). O Senhor abomina os soberbos, mas exalta os humildes. Ele exalta aquilo que O agrada. Acredito que assim como os soberbos, Deus também odeia os falsos humildes. Devemos nos vigiar enquanto a isso. Na bíblia diz: "Não permitam que ninguém que tenha prazer numa falsa humildade e na adoração de anjos os impeça de alcançar o prêmio." (Colossenses 2:18a).

A humildade é uma semente que só é plantada se tivermos reconhecimento da soberania de Deus e serviço ao próximo. Se assim for, vamos demonstrar que além de humildes somos sábios. Não devemos fugir do caminho da humildade, pois é fundamental na vida cristã. Portanto, não devemos ouvir a voz em que muitas vezes insiste em dizer que podemos fazer algo por nossos próprios méritos e nem deixar que o inimigo de nossas almas aproveite de cada situação, como por exemplo: Se formos evangelizar alguém e este alguém aceitou a Cristo, temos que lembrar que a glória é do Pai. O Senhor nos dá um grande privilégio de poder participar de Sua obra. Por isso, a glória sempre será para Ele. Precisamos fugir de pensamentos como este para que não venhamos nos engrandecer em nossos corações, mente e atitudes. Que possamos sempre estar diante dos pés de Deus nos humilhando, reconhecendo a Sua grandeza, substituindo os nossos interesses e conceitos pelos que Jesus nos deixou e servindo ao próximo como ele nos ensinou. E se caso formos humilhados pelo próximo em alguma situação, devemos sempre colocar nas mãos de Deus e clamar por Sua justiça sem ter o desejo de vingança. Se somos humildes ou humilhados o Senhor se compromete em nos guiar para a Justiça e nos permanecer nela. " Conduz os humildes na Justiça e lhes ensina o seu caminho." (Salmos 25:9) Não esqueça das palavras de Jesus: " Bem aventurados os humildes, pois deles é o Reino dos céus. "

- Que Deus nos ensine a permanecer neste caminho de humildade. Deus abençoe, Paz

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

A Respeito da Fé

Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos”. Hebreus 11,1.
“Ele é nosso pai aos olhos de Deus, em quem creu, o Deus que dá vida aos mortos e chama à existência coisas que não existem, como se existissem”. Romanos 4,17.
Em Êxodo 14: 15,16 podemos ver algo que muitas vezes nos passa despercebidos. Deus diz a Moisés: “Por que você está clamando a mim? Erga sua mão sobre o mar e as águas se dividirão”. No verso 13, Moisés dá prova de sua fé dizendo ao povo desesperado e incrédulo: “Não tenham medo. Fiquem firmes e vejam o livramento que Deus lhes trará hoje porque vocês nunca mais verão os egípcios que vêm hoje”. Em momento nenhum Moisés duvidou que o livramento aconteceria, mas colocou sua confiança nas mãos de Deus. Porém Deus dá uma injeção extra de fé em Moisés mandando que ele diga ao mar o que fazer.
Em Mateus 17, 20 Jesus ensina aos seus discípulos características da fé e compara a fé ao tamanho de um grão de mostarda dizendo: “se tivésseis a fé do tamanho de um grão de mostarda poderiam dizer a este monte: vai daqui pra lá, e ele irá. Nada lhes seria impossível”. Em Lucas 17 Jesus volta a comparar a fé que faz milagres a um grão de mostarda.
Em João 14: 12,14 Jesus diz que: se crermos nele, obras ainda maiores faremos. E que tudo o que pedirmos em seu nome Ele fará. O que Deus quer nos ensinar com isto? Qual o tipo de fé que Cristo possuía?
Entendamos que a fé tem certeza das coisas que ainda não existem ou ainda não aconteceram. A fé que Deus colocou no coração de Moisés era de coisas impossíveis.
Quando Deus diz a Moisés, vá e faça acontecer parece estar dizendo: “Você confia em mim e me conhece. O que eu faria nesta situação? Então faça!” Moisés já tinha a fé necessária para fazer o milagre. Deus só disse como usá-la.
E o que dizer dos ensinos de Cristo? Qual o tipo da fé de Cristo? A fé que Cristo possuía era a fé de que Deus podia fazer todas as coisas. Cristo possuía a fé para realizar o impossível. Quando Ele se refere ao que se pedirmos em seu nome Ele faria, não quer dizer que qualquer oração que carrega o nome de Jesus seria respondida ou milagre realizado. Esta frase implica em conhecimento. Ele estava querendo dizer: “se você me conhecer bem, você pedirá aquilo que eu pediria a Deus.” É como se eu dissesse a minha filha: “Filha, você agora tem uma conta na mercearia da esquina em meu nome. Tudo o que você pedir em meu nome será dado a você. Mas com uma condição. Você só pode pedir aquilo que eu pediria.” Obrigatoriamente minha filha teria que pensar antes de pedir, teria que me conhecer bem o suficiente, pois, se não fosse meu desejo, a resposta seria um não. Semelhantemente é Cristo. Sabemos que não devemos pedir carros luxuosos ou casas na praia em nome de Jesus, porque este não é o desejo dele. Mas se temos a fé de Cristo, confiamos que Deus pode realizar o impossível, conhecemos Deus pessoalmente, podemos pedir com a certeza que nos será dado.
Deus nos desafia a termos fé no Deus que conhecemos. Se conhecemos o Deus da bíblia, porém antigo, de livros, mas que não sai de lá, nossa fé não terá poder nem para mover uma pedrinha. Porém o Deus que chama a existência as coisas que não existem como se existissem deseja que tenhamos suas características como filhos. Deseja que vejamos oportunidades para milagres em qualquer dificuldade. Ele está nos dizendo: “Sou seu pai. Você me conhece, você sabe como eu agiria? Então dê a ordem”!
Somos desafiados em todas as dificuldades a desejar aquilo que Deus deseja, desafiados a olhar com os olhos da fé de Cristo para as situações e trazê-las à vida. Devemos confiar em sua providência e descansarmos em suas promessas, naquilo que Ele nos diz.
Senhor, aumenta-nos a fé!

Como você tem seguido o Senhor?

Como você tem seguido o Senhor?

Lucas 22.54 diz: "Então, prendendo-o, levaram e o introduziram na casa do sumo sarcedote. Pedro seguia de longe." Este é o início da experiência de Pedro nega o Senhor. O primeiro passo para negar o Senhor é segui-LO de longe. Como você tem seguido o Senhor: de longe ou de perto? Seguir de longe é ficar alguns passos atrás para ver o que vai acontecer e aí, de acordo com o resultado, você se decide. Seguir de longe é não querer comprometer-se. quem se compromete, segue de perto. A atitude de: "Eu vou ficar observando para ver o que vai dar" é o burrada, como diz meu amado Pastor Paulo Júnior. Com essa atitude, negar o Senhor é questão de tempo.

Como você tem seguido o Senhor na vida da Igreja? Na questão do que o Senhor tem falado, do que a Igreja tem promovido, do seu viver, você tem seguido de perto ou de longe? Quem se de perto está comprometido, está identificado como um seguidor do Senhor. Pedro seguiu de longe porque tinha medo de morrer. Mas tarde, quando uma criada o identificou como o seguidor de Jesus, ele disse: "Mulher, não o conheço (Lc 22. 56-57)". Talvez ele pensasse: "Xiii! Isso aqui não vai acabar bem, é melhor eu reverter a situação."
Quem se compromete com o Senhor, diz: " Senhor, eu estou Contigo para toda e qualquer situação. Não vivo para mim nem quero resguardar-me ou me proteger. Quero ser um Contigo". Apocalipse 14.4 diz que os vencedores seguem o Cordeiro aonde quer que Ele vá.

Você vai seguir de longe ou vai comprometer-se?

Quem segue de perto é testemunha. Em grego, a palavra
testemunha é a mesma que para mártir. Portanto ser testemunha é ser mártir, isto é, estar disposto a dar a própria vida. Esse caminho que trilhamos é o caminho da vida normal da igreja, porém um caminho muito sério que exige comprometimento. Se queremos avançar de maneira firme na vida espiritual é esse o caminho que devemos tomar e essa é a nossa atitude. Não tem meio termo, não existe "seguir de longe". Lembre-se jovem, seguir de longe vai gerar uma situação de negar o Senhor. É só questão de tempo. Se você não quer negar o Senhor, a salvação é seguir de perto!
Fiquem firmes e sigam-O DE PERTO!

Há Esperança




e você acha que está tudo acabado, que não tem mais solução pro seu problema.
Que já não importa mais viver.
Se você acha que Deus te esqueceu.
Que como árvore cortada, seu tronco está abandonado.
E as pessoas te tratam com indiferença.

esperança para você, não desista, continue, fique firme na rocha que é Jesus, não se apegue as coisas do mundo e nem confie no homem, confie em Deus, e o mais ele fá por você.Fará seus ramos brotarem como você nunca viu e seus frutos serão bons.

Você sente que precisa de um incentivo?


Nós, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós mesmos. Cada um de nós deve agradar a seu próximo para o bem dele, a fim de edificá-lo. Pois também Cristo não agradou a si próprio, mas, como está escrito: "Os insultos daqueles que te insultam caíram sobre mim". Pois tudo que foi escrito no passado, foi escrito para nos ensinar, de forma que, por meio da perseverança e do bom ânimo procedentes das Escrituras, mantenhamos a nossa esperança Romanos 15: 1-4


Não tenha medo de caminhar, muitas serão as aflições, mas Jesus venceu o mundo Ele é o único caminho. Você vai desistir agora?
Não desista, continue, há esperança...

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Não sou Daqui!

Foto: Para começar bem essa quinta-feira, compartilhe a mensagem com os entes queridos!
Não sou nenhuma alienígena, mas se me perguntarem de onde venho ou para onde vou minha resposta não será um lugar conhecido na terra.
Definitivamente, não sou deste mundo. Valorizo o que já não tem mais valor e tenho desejos os quais nada nessa terra poderá satisfazer. A explicação lógica é a de que sou peregrina e, meu único objetivo é chegar na casa do Papai. Não posso vê-lo mas posso senti-lo, e se necessário for escalarei montanhas, passarei pelo Saara, atravessarei oceanos, porém nada, nada, me impedirá de alcançar o meu alvo; e meu alvo é Cristo!

sábado, 23 de fevereiro de 2013

O que darei eu ao Senhor???



QUE DAREI EU AO SENHOR ?

Salmo 116: 12 – 14

O homem que reconhece a existência de Deus, é movido muitas vezes por um sentimento de retribuição em relação a Ele, isto é, a pessoa que tem a sensibilidade de reconhecer os benefícios do Senhor em sua vida, sempre busca fazer alguma coisa para agradá-Lo, como uma forma de “pagamento” pelo que tem recebido. Isto também ocorre principalmente quando a pessoa está precisando de alguma coisa que deseja pedir a Deus.

Este sentimento um dia surgiu no coração do rei Davi. Ele era um homem poderoso em Israel, e certamente tinha posses e recursos para oferecer alguma coisa ao Senhor, como uma retribuição. Ele deve ter pensado no que mais agradaria ao Senhor... no que poderia estar à altura de todo o benefício proporcionado ao rei, tais como as respostas das orações, os livramentos da morte e dos inimigos, a sua justiça, sua misericórdia e tantas outras bênçãos. O que dar a Deus por todo o seu benefício? O que o homem tem para ofertar a Deus? Como o homem poderia realmente agradar a Deus? Será que as “boas obras”, os sacrifícios, ofertas em dinheiro e em coisas materiais poderiam alegrar o coração de Deus e satisfazê-Lo? Uma vida religiosa seria suficiente para deixá-Lo contente?

Davi pensou muito e buscou muito descobrir uma forma de retribuir a Deus por todos os seus benefícios, e somente através da revelação ele descobriu como agradar ao Senhor.

  Certamente o homem não tem nada em si mesmo que possa oferecer a Deus, de modo que o Senhor não aceita nada que proceda do homem. Ele também não precisa de coisa alguma pois Ele é Deus, Senhor de todas as coisas, de modo que tudo pertence a Ele.

Foi pensando nessas coisas que Davi buscou do Senhor o que poderia ser agradável ao seu coração. Então o Espírito Santo revelou este segredo, este mistério, que na verdade era profético e que podemos perceber claramente no Getsêmani, vindo a se completar no Gólgota:


Tomarei o cálice da salvação – Davi alcançou a resposta quando entendeu, por revelação, que um dia o Filho de Deus tomaria o cálice da nossa culpa e dos nossos pecados sobre si mesmo e se entregaria à cruz para morrer em nosso lugar. O cálice que Jesus pediu ao Pai que se possível fosse, passasse dele, representava todo o seu sofrimento e humilhação por causa dos nossos pecados. Na verdade Jesus tomou o cálice da nossa salvação e o bebeu sozinho, para que através da fé na sua obra redentora, alcançássemos a vida eterna. Desta forma a única maneira de agradar a Deus é tomar o cálice da salvação, isto é, reconhecer seu sacrifício e aceitar Jesus como nosso Salvador. A fé em Jesus é a única coisa que nós podemos ofertar ao Senhor por todo o bem que nos tem feito, e isso não procede do homem, mas do próprio Deus.


Invocarei o nome do Senhor – Quando reconhecemos a obra redentora de Jesus e cremos no seu nome, passamos a invocar o nome do Senhor. Todo aquele que toma o cálice da salvação, passa a depender do Senhor e a invocar o seu nome em toda a sua necessidade. O Senhor que governa a nossa vida é a fonte de todos os benefícios, e isso nos move a tomar constantemente o cálice da salvação.


Cumprirei os meus votos ao Senhor, na presença de todo o seu povo – O voto que fazemos ao Senhor quando tomamos o cálice da salvação é a nossa fidelidade e obediência a Ele. Isso deve produzir em nós uma vida de testemunho diante de todo o povo do Senhor, gerando um fruto que é o resultado da operação do Espírito Santo na nossa vida. Este fruto é a vida de Jesus em nós, é a manifestação do Senhor Jesus na nossa vida, que fazemos parte do seu corpo.


Desta forma, o resultado final é agradável a Deus, pois Ele vê o seu Filho, o Senhor Jesus em nós. Aquilo que oferecemos a Deus, não é o que procede da nossa natureza caída, e sim a presença de Jesus no nosso coração.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Versiculos Bíblicos

Versiculos Biblicos


Salmos, 31:24 - Sede fortes, e revigore-se o vosso coração, vós todos que esperais no Senhor.


Jó, 11:16-19 - Pois te esquecerás dos teus sofrimentos e deles só terás lembrança como de águas que passaram. A tua vida será mais clara que o meio-dia; ainda que lhe haja trevas, serão como a manhã. Sentir-te-ás seguro, porque haverá esperança; olharás em derredor e dormirás tranqüilo. Deitar-te-ás, e ninguém te espantará; e muitos procurarão obter o teu favor.


Salmos, 138:7 - Se ando em meio à tribulação, tu me refazes a vida; estendes a mão contra a ira dos meus inimigos; a tua destra me salva.


Salmos 55:22 Confia os teus cuidados ao Senhor, e ele te susterá; jamais permitirá que o justo seja abalado.


João, 14:1 - Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
Salmos, 27:14 - Espera pelo Senhor, tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração; espera, pois, pelo Senhor.


Jeremias 29:11 "Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais."


Salmos, 29:11 - O Senhor dá força ao seu povo; o Senhor abençoa com paz ao seu povo.


Romanos 8:38-39 Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor.


Deuteronômio, 33:27 - O Deus eterno é a tua habitação e, por baixo de ti, estende os braços eternos; ele expulsou o inimigo de diante de ti e disse: Destrói-o.


I Corintios 10:13 Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar.


Jó, 8:20 - Eis que Deus não rejeita ao íntegro, nem toma pela mão os malfeitores.


II Corintios, 4:8,9 - Em tudo somos atribulados, porém não angustiados; perplexos, porém não desanimados; perseguidos, porém não desamparados; abatidos, porém não destruídos (...)


João, 14:27 - Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.


Salmos 68:19-20 Bendito seja o Senhor que, dia a dia, leva o nosso fardo! Deus é a nossa salvação. O nosso Deus é o Deus libertador; com Deus, o Senhor, está o escaparmos da morte.


Salmos, 4:3 - Sabei, porém, que o Senhor distingue para si o piedoso; o Senhor me ouve quando eu clamo por ele.


Salmos, 5:12 - Pois tu, Senhor, abençoas o justo e, como escudo, o cercas da tua benevolência.


Isaías, 43:1 - Mas agora, assim diz o Senhor, que te criou, ó Jacó, e que te formou, ó Israel: Não temas, porque eu te remi; chamei-te pelo teu nome, tu és meu.


Filipenses, 4:6 - Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças.


II Reis, 6:16 - Ele respondeu: Não temas, porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles.


Isaias 40:11 Como pastor, apascentará o seu rebanho; entre os seus braços recolherá os cordeirinhos e os levará no seio; as que amamentam ele guiará mansamente.
Salmos, 37:28 - Pois o Senhor ama a justiça e não desampara os seus santos; serão preservados para sempre, mas a descendência dos ímpios será exterminada.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Salmos 91


Da mesma forma que o Pai prometeu ao Filho estar com Ele na angustia, Jesus também nos prometeu estar todos os dias conosco ( Mt 28:20 ), alertando que, no mundo os cristãos terão aflições ( Jo 16:33 ). Qualquer que prometa livrá-lo das aflições diárias, não fala conforme a verdade do evangelho, visto que o próprio Cristo não prometeu livrar os cristãos das aflições, antes avisou que seriamos suscetíveis a elas.

Salmo 91


1 AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.
2 Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.
3 Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.
4 Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel.
5 Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia,
6 Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia.
7 Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti.
8 Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios.
9 Porque tu, ó SENHOR, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.
10 Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.
11 Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.
12 Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.
13 Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente.
14 Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome.
15 Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei.
16 Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.

Adversidade


"Diz em seu coração: Não serei abalado, porque nunca me verei na adversidade." Salmos 10:6




Uma filha se queixou ao seu pai sobre sua vida e de como as coisas estavam tão difíceis para ela. Já não sabia mais o que fazer e queria desistir, estava cansada de lutar e combater, assim que um problema estava resolvido outro surgia.
Seu pai um "chef", levou-a até a cozinha dele, encheu três panelas com água e colocou, separadamente, em cada uma delas cenouras, ovos e pó de café.
Deixou que tudo fervesse durante vinte minutos, sem dizer uma palavra.
Depois retirou as cenouras, os ovos e o café e colocou-os em tigelas diferentes. Virando-se para ela, perguntou:
"Querida, o que você está vendo?"
"Cenouras, ovos e café", ela respondeu.
Ele pediu para experimentar as cenouras. Ela notou que as cenouras estavam macias.
Pediu então que pegasse um ovo e quebrasse. Ela retirou a casca e verificou que o ovo endurecera com a fervura.
Finalmente, ele pediu que tomasse um gole de café. Ela sorriu ao sentir seu aroma delicioso e perguntou humidelmente:
"O que isto significa, pai?"
Ele explicou que cada um deles havia enfrentado a mesma adversidade, a água fervendo, mas cada um reagira de maneira diferente.
A cenoura entrara forte, firme e inflexível, mas depois amolecera e se tornara frágil.
Os ovos eram frágeis, sua casca fina havia protegido o líquido interior que após a fervura tornou-se mais rijo.
O pó de café, contudo, era incomparável, havia mudado a água.
"Qual deles é você?" ele perguntou. "Quando adversidade bate a sua porta, como você responde?".
E você?
Você é como a cenoura que parece forte, mas com a dor e a adversidade você murcha, se torna frágil e perde sua força?
Será que você é como o ovo? Você teria um espírito maleável, mas depois de alguma morte, uma falência, um divórcio ou uma demissão, você se tornou mais difícil e duro? Sua casca parece a mesma, porém você está mais amargo e obstinado?
Ou será que você é como o pó de café? Ele muda a água fervente, a coisa que está trazendo a dor, para conseguir o máximo de seu sabor, a 100 graus centígrados. Quanto mais quente estiver a água, mais gostoso se torna o café.
Se você é como o pó de café, quando as coisa ficam piores, você se torna melhor e faz com que as coisas em volta de você se tornem melhores.
Como você lida com a adversidade?
PENSEM NISSO!

Deus quer que sejamos MELHORES!

Eu escolhi Servir e você?


 Quando ouvimos a voz de Deus e seguimos Sua orientação, sabemos que o caminho escolhido não nos trará frustrações. Mesmo que ele não seja lá o mais fácil a ser trilhado no momento, ali, bem ao nosso lado, está Aquele que nos mantém firmes em cada passo da jornada. Decidir, decisão. Em algum momento de nossas vidas, seremos confrontados com o que cremos e precisamos escolher entre aquilo que nos mostra a FÉ e o que os nossos sentidos humanos nos apresentam. Pode ser a escolha-ou não- de uma amizade, se um relacionamento, de um negócio, de servir, se seguir ou não por um caminho mais largo ou mais fácil...

Nós devemos escolher seguir e servir a Deus com suas dores, seus sacrifícios... Algo que torna essa escolha interessante e valiosa é porque já sabemos qual será a nossa recompensa: o nosso nome estará na palma da mão do nosso Senhor e de lá ninguém nos arrebatar!
Você que ainda não decidiu, ainda há tempo. Decida-se! Você tem a oportunidade de trilhar esse bom e perfeito Caminho cumprir a vontade de Deus.
     
Eu escolhi a boa parte que de mim não será tirada:
Ser chamada ' filha de Deus , segui e servi-LO até o dia da sua volta!

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

DEUS Tem Planos Para Todos os Seus Filhos


"Então respondeu Jó ao Senhor: Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus propósitos pode ser impedido. Quem é este que sem conhecimento obscurece o conselho? por isso falei do que não entendia; coisas que para mim eram demasiado maravilhosas, e que eu não conhecia. Ouve, pois, e eu falarei; eu te perguntarei, e tu me responderas. Com os ouvidos eu ouvira falar de ti; mas agora te vêem os meus olhos. Pelo que me abomino, e me arrependo no pó e na cinza."


Jó 42.1-6


Você já fez muitos planos em sua vida. E o que aconteceu?
Alguns deram certo. Muitos, entretanto, desmoronaram.
 
DEUS também fez planos; no entanto, os seus planos sempre são viáveis e realizados.
 
Logo após o desastre do homem no Jardim do Édem, DEUS planejou salvá-lo da condenação eterna.
 
Abriu-lhe o Caminho da redenção espiritual, prometendo-lhe o Messias, JESUS CRISTO.
 
No decorrer do tempo muitos adversários tentaram frustar, impedir a realização deste plano. Vindo, porém, o tempo preestabelecido por DEUS, JESUS nasceu para felicidade eterna do povo, que andava em trevas.
 
DEUS tem planos para todos os Seus Filhos. Para Jó DEUS teve o plano de salvá-lo. Isto o fez por Graça. Ele teve também um plano de crescimento, de maturação espiritual com Jó como o tem com todos os Cristãos.
 
Estes planos por sua vez são incompreensíveis à mente humana e podem parecer duros.
 
Jó era um homem temente a DEUS. DEUS quis fazer dele um grande exemplo para o mundo. Abençoou-o ricamente com muitos bens.
 
Repentinamente as coisas mudaram. DEUS o submeteu a duras provas. Perdeu tudo. Seus amigos o abandonaram. Sua esposa o deixou, incitando-o a negar a DEUS, e a amaldiçoá-lO.
 
Jó, entrentanto, permanece fiel aos planos divinos, que não puderam ser frustrados.
 
Jó experimentou em sua vida a realidade da presença de DEUS, especialmente nas aflições e provações.
 
Você também já passou ou ainda vai passar por provações e cruzes. Lembre-se, DEUS tem um plano também para você.



 
Ele não abandonou Jó. Jamais abandonará você. Permaneça Fiel a DEUS e você experimentará que os planos de DEUS são bons e jamais serão frustrados. Apenas confie, pois Ele é fiel para fazer infinitamente mais!